chevron_left Voltar para Releases e notícias
Após recuperar perdas da pandemia, preço do aluguel cai em São Paulo

Retração de 0,2% em maio, frente a abril deste ano, interrompe sequência de dez meses consecutivos de alta na capital paulista

Confira levantamento na íntegra aqui

A cidade de São Paulo registrou em maio uma queda no preço do metro quadrado do aluguel após dez meses consecutivos de alta. Segundo o Índice QuintoAndar, divulgado hoje, o preço atingiu R$ 39,43 por metro quadrado, 0,2% menor que o registrado em abril. 

A queda acontece após a cidade superar a média do preço registrado negociado antes da pandemia de Covid-19, no mês passado. Apesar da redução, os aluguéis na capital paulista valorizaram 11,54% nos últimos 12 meses. Somente neste ano, a alta acumulada atinge 7,88%.

Entre os principais fatores para a queda nos preços dos aluguéis estão o fim da alta temporada de procura de aluguéis, frequente nos primeiros meses do ano, e a retração dos preços de studios e dormitórios de um quarto. Esse tipo de imóvel vinha sendo um dos principais motores do crescimento na capital paulista, diante da retomada da atividade econômica e da volta ao trabalho presencial. 

Em maio, o preço médio do metro quadrado de studios e apartamentos de um quarto caiu 0,7% em comparação com abril, segundo o Índice QuintoAndar de Aluguel, atingindo R$ 49,40/m² em São Paulo. 

“Apesar da queda no mês, o mercado imobiliário em São Paulo vive um bom momento. Em comparação com o preço negociado neste mesmo mês do ano passado, por exemplo, a alta é de 12,98%. Além disso, a cada mês mais bairros registram uma valorização e uma recuperação dos níveis pré-pandemia”, destaca Thiago Reis, gerente de Dados do QuintoAndar.

Com a queda do preço em maio, a diferença entre o preço publicado nos anúncios e o valor efetivamente fechado no contrato cresceu em comparação com abril, atingindo -9,31%. Isso significa que os preços dos anúncios seguiram subindo, diante da expectativa positiva do mercado, mas o valor efetivamente pago não registrou um movimento da mesma magnitude.

Sobre o Índice QuintoAndar de Aluguel

Diferentemente de outros índices do mercado baseados somente no valor do anúncio, o Índice QuintoAndar é pautado nos valores concretos de contratos fechados de aluguel. Isso significa que são consideradas as negociações entre locatário e inquilino, refletindo uma realidade mais assertiva e confiável do cenário residencial. A metodologia do Índice QuintoAndar de Aluguel pode ser conferida no site: https://mkt.quintoandar.com.br/dados/

Sobre o QuintoAndar

O Grupo QuintoAndar é a maior plataforma de moradia da América Latina e oferece uma experiência direta, simples e transparente para quem busca um lugar para morar e para quem tem uma casa para alugar ou vender. A plataforma permite a busca de imóveis por meio de fotos de alta qualidade e o agendamento de visitas e fechamento do aluguel ou da compra online, sem burocracia. Os inquilinos alugam com facilidade, e os compradores têm maior transparência ao longo de toda a transação. Os proprietários estão cobertos pela Proteção QuintoAndar, que assegura o recebimento em dia do valor do aluguel, independentemente do pagamento pelo inquilino, e cobre indenizações de até R$ 50 mil por danos causados ao imóvel ao fim do contrato. Para imobiliárias, a empresa oferece um portfólio de serviços com soluções de crédito e financiamento, garantia locatícia e geração de demanda. Atualmente, a companhia tem mais de 185 mil contratos e R$ 90 bilhões em ativos sob administração, com atuação em mais de 75 cidades no Brasil, além da Argentina, Equador, Panamá, Peru e México, por meio das operações do grupo Navent, adquirido em dezembro de 2021.

Para saber mais sobre o QuintoAndar, acesse quintoandar.com.br/imprensa.

chevron_left Voltar para Releases e notícias