chevron_left Voltar para Releases e notícias
Morar perto do trabalho não é mais prioridade para os brasileiros que estão de mudança, mostra pesquisa do QuintoAndar

Levantamento revelou também que mais espaço e economia são as novas necessidade de quem está pensando em se mudar

Confira estudo na íntegra aqui

São Paulo, 16 de junho de 2021 – O QuintoAndar, maior plataforma de moradia da América Latina, divulga hoje pesquisa que mostra que ficar mais próximo do trabalho deixou de ser prioridade na hora de se mudar, perdendo lugar para fatores como economia, espaço e tranquilidade.O levantamento aponta queda de 42% na importância que uma casa próxima ao trabalho tem para a decisão de para onde se mudar. Já economia e tranquilidade ganharam 13% e 7%, respectivamente, em relevância.

A pesquisa comparou os motivos que influenciaram a decisão de mudança seis meses atrás com os fatores que hoje mais importam para quem está para trocar de casa. Ela foi realizada com quase mil pessoas, clientes do QuintoAndar, entre os dias 25 de maio e 7 de junho.

O levantamento mostrou que embora muito tenha se falado em ‘êxodo urbano’ por conta da pandemia, poucas pessoas na verdade querem realmente sair da cidade em que já moram. Apenas 16% dos respondentes consideram mudar de cidade, sendo que desses, apenas 4,2% sonham com o interior e 2,2% com se mudar para a praia. A grande maioria pretende ficar onde está, apenas mudando de bairro. 

Jovens buscam espaços maiores enquanto 30+ querem economia

Os três principais fatores na hora de se mudar são os mesmos para jovens e mais velhos: economia, espaço e tranquilidade. A diferença é a importância relativa para cada faixa etária. Pessoas com menos de 30 anos apontam espaço como o principal fator para a próxima mudança, enquanto os mais velhos querem economia. Para quem tem mais de 50 anos, a palavra-chave é tranquilidade.

A proximidade com o trabalho, além de ter perdido importância nos últimos seis meses para todos os grupos, também é cada vez menos relevante à medida que as pessoas ficam mais velhas. 

O impacto do trabalho remoto sobre moradia 

A pesquisa mostra que no pequeno grupo de pessoas que planeja se mudar de uma grande cidade para o interior ou litoral, o trabalho remoto tem enorme importância. Estar em home office é fator preponderante para a decisão de mudar para 78% das pessoas que querem ir para o interior e para 65% daqueles que decidiram pelo litoral. A maior parte das pessoas que querem ir para o interior ou litoral são pessoas jovens, sendo que 49% tem menos de 30 anos – e 77% têm menos de 40 anos. 

“A dinâmica das pessoas com suas casas mudou, assim como os fatores que influenciam na hora de decidir se é hora ou não de se mudar e o que efetivamente pesa mais na hora de escolher uma casa nova”, diz José Osse, Head de Comunicação do QuintoAndar. “A pesquisa mostra um pouco dessa evolução, como por exemplo a importância que o trabalho remoto tem para quem sonha em trocar a cidade pelo interior ou pela praia.”

Notas técnicas

Pesquisa quantitativa realizada entre inquilinos do QuintoAndar. O levantamento contou com 983 respondentes das principais capitais do país. A coleta de informações foi feita por meio de um questionário rápido recebido por e-mail. 

Sobre o QuintoAndar

O Grupo QuintoAndar é a maior plataforma de moradia da América Latina e oferece uma experiência direta, simples e transparente para quem busca um lugar para morar e para quem tem uma casa para alugar ou vender. A plataforma permite a busca de imóveis por meio de fotos de alta qualidade e o agendamento de visitas e fechamento do aluguel ou da compra online, sem burocracia. Os inquilinos alugam com facilidade, e os compradores têm maior transparência ao longo de toda a transação. Os proprietários estão cobertos pela Proteção QuintoAndar, que assegura o recebimento em dia do valor do aluguel, independentemente do pagamento pelo inquilino, e cobre indenizações de até R$ 50 mil por danos causados ao imóvel ao fim do contrato. Para imobiliárias, a empresa oferece um portfólio de serviços com soluções de crédito e financiamento, garantia locatícia e geração de demanda. Atualmente, a companhia tem mais de 165 mil contratos e R$ 90 bilhões em ativos sob administração, com atuação em mais de 75 cidades no Brasil, além da Argentina, Equador, Panamá, Peru e México, por meio das operações do grupo Navent, adquirido em dezembro de 2021.

Para saber mais sobre o QuintoAndar, acesse quintoandar.com.br/imprensa.

chevron_left Voltar para Releases e notícias